Planejamento, o Mapa Para o Sucesso

mapa-sucesso

Muitas pessoas desejam o sucesso, mas nem todos se esforçam para que seja alcançado. E para isso se tornar possível é importante ter uma orientação, que se dará com oplanejamento.

Fazendo uma comparação, digamos que você está de férias e pretende viajar para um determinado lugar no interior, mas não sabe como chegar lá ou pelo menos ouviu falar que é de difícil acesso. Se o caminho não for traçado antes da saída, a viagem pode não ocorrer como o esperado, pois irá encontrar alguma dificuldade, um obstáculo ou então não chegar ao destino pretendido.

Aí entra o papel do mapa, que dará uma orientação para quem está viajando, que irá indicar onde existem pousadas, lanchonetes, restaurantes, postos de combustível e, em alguns casos, indicar as opções de caminho ou as adversidades que poderão ser encontradas (estrada ruim, trechos com curvas, etc.).

Para que se chegue ao sucesso funciona da mesma forma e o planejamento possui um papel muito importante, como se fosse um mapa ou um guia de viagem.

Ao elaborar um roteiro de viagem, deve-se saber para ONDE vai, qual é o destino final. E de maneira análoga acontece com o planejamento, deve-se saber O QUE pretende ser atingido, ou seja, o objetivo, que sendo alcançado com êxito, nada mais é do que o sucesso.

Para planejar é necessário que a mentalidade esteja preparada para que as coisas deem certo e acreditar no projeto, pois do contrário nada vai adiantar. É necessário colocar no papel os passos que serão dados: objetivo geral, pessoas a quem podem interessar, o que adquirir, quanto investir, onde realizar as atividades e quais as ações a serem tomadas.

Algumas dificuldades poderão existir no caminho e aqui é um ponto fundamental, pois muitos desistem de implementar as ideias diante dos desafios. Nada vem de forma gratuita e a superação das dificuldades tem um sabor muito especial quando se atinge o objetivo. Se este for muito difícil, o planejamento pode ser dividido em etapas e objetivos menores e especificando as ações que deverão ser tomadas para atingi-los; aos objetivos menores damos o nome de metas.

Se por algum acaso uma meta não for atingida ou os resultados forem diferentes do esperado, deve-se fazer avaliação do planejamento e ver o que precisa ser feito. Aliás, a avaliação é um processo constante, assim como a inclusão de novos conhecimentos nas atividades que exercemos.

Não adianta ter um excelente planejamento e não fazer nada, é importante agir e colocar o plano em prática. Entretanto, ação sem planejamento não traz os resultados que se espera alcançar, o ideal é que as duas coisas caminhem juntas.

Espero que este artigo seja útil a você.

Grande abraço e muito sucesso a você!